Tag: Elegia

Elegia

É noite. O tempo tarda a passar. Ainda assim, tenho pouco.   (“Eu tenho o que eu não tenho”)   Depois, a queda.   Cresço pacientemente Em contradições E assombrações Principalmente, E sobretudo.   Vejo o que veio Fecho a boca Abro os olhos   Tenho o ouvido […]